Assine o Feed

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Em exibição no Japão

por Leandro Nisishima e Thiago3T (Equipe KS)

A partir desse mês essa será uma das novas seções do "KS". Nela estaremos comentando sobre as novidades referentes aos novos animes que estão sendo exibidos no Japão nesse exato momento, além de outros cuja previsão de estréia já esteja próxima. Para começar, o principal destaque dessa edição de estréia será um breve comentário sobre as cinco séries que mais tem chamado atenção do pessoal na atual temporada. Além disso, preparamos um pequeno especial com os principais títulos da próxima temporada. Espero que se divirtam!

Temporada de Abril

Muitos animes estrearam nessa temporada, seguindo a tendência natural dos anos anteriores. Vários títulos se destacaram seja pela qualidade, popularidade ou mesmo nos dois quesitos. No Brasil ou no Japão, determinadas séries chamaram muita atenção entre os "otakus", e separamos cinco bons exemplos. A lista a seguir levou em consideração o impacto causado sobretudo dentro da internet, considerando os fóruns do Brasil e Japão. Claro que séries como Saki tiveram grande repercussão por lá, enquanto no Brasil acabou sendo algo bem morno. O caso contrário também pode ser citado.

Lembrando que deixamos de fora dessa matéria duas séries em especial, Suzumiya Haruhi no Yuuutsu 2 e Dragon Ball Kai. O primeiro pelo fato de ter tido apenas um episódio inédito exibido, enquanto o segundo pelo fato de ser apenas uma reprise. De resto, não estranhe a ausência de ótimos títulos como Senjou no Valkyria, Cross Game e Phantom. A lista, como bem dito, considera fatores como popularidade na internet, e infelizmente nenhum dos títulos é realmente um grande destaque nesse quesito.


K-ON!

Avatares em fóruns e MSN, assinaturas, imagens e vários MADs e AMVs, Pode ser um bom medidor para saber se algo está fazendo sucesso ou não.

Quando saiu a notícia de que Suzumiya seria reprisado, ao mesmo tempo, que estrearia um anime chamado K-ON, todos achavam que era um simples tapa-buraco da Kyoto Animation para as novas aventuras da Brigada SOS. Engano, para nossa felicidade.

K-ON! está sendo uma das sensações da atual temporada, até deste ano. As aventuras de Yui, Mio, Ritsu e Tsugumi em fazer o clube de música são muito divertidas. A primeira impressão que levam é a Lucky Star (o desenhis), tanto nos traços quanto às características dos personagens. E nos personagens, que são muito caricatos (uma desastrada, uma tsundere,....), e simples em suas ações, conseguem fluir bem nas história, com comédia adequada.

Infelizmente, a KyoAni bateu demais nas mesmas piadas, principalmente envolvendo o fanservice com a Sawako-sensei. Ao passar dos episódios, você tem uma sensação de “dejà vu”.
Azusa chegou em boa hora nos episódios, inclusive em ameaçar o reinado moe de Mio.

E, como prova de sucesso, os CD das músicas Cagayake! Girls e Don´t say Lazy ocuparam top 10 no ranking Oricon. A venda de instrumentos no Japão aumentou. Especialmente do baixo que Mio usa. E os volumes 1 e 2 do mangá alcançaram o top 30 de vendas.

Como bônus, alguns vídeos de K-ON, feitos por fãs.

Novas openings:
http://www.youtube.com/watch?v=mwf0APzJ62M

http://www.youtube.com/watch?v=9TF7rRWTHu0

http://www.youtube.com/watch?v=5i52ADXwqnY

Yui "uta uta"
http://www.youtube.com/watch?v=iUDHzIpjkZ4

Azusa "nyan nyan"
http://www.youtube.com/watch?v=NSGja6skQ-s



Aproveitando a deixa musical. A banda de j-music SCANDAL fez sua versão anime. Lançado porque as integrantes são fãs de anime e mangá, e queriam ter a sua versão, são episódios de curta duração. A história lembra um pouco de K-ON, onde as integrantes Haruna Ono, Tomomi Ogawa, Mami Sasazaki e Rina Suzuki buscam “um lugar ao sol nascente” [/trocadilho]. Os episódios contam um pouco da trajetória da banda, desde sua formação, apresentação em um clube de Tóquio, ida a uma rádio e o convite para ir aos EUA. E entre isso, as composições das letras. Se gostou de K-ON! e ficando saudades com os últimos episódios, dê uma olhada também.

Para conferir os 12 episódios, clique no link (legendas em inglês): http://www.animenewsnetwork.com/video/2160/

Para conhecer um pouco mais da banda.
Site: http://www.scandal-4.com/
My Space: http://www.myspace.com/scandal4
Blog: http://6109.jp/scandal4/



Saki
Produzido pelo Gonzo, e automaticamente mal visto por boa parte da rede, Saki é na verdade uma grande surpresa, claro que dentro de todas as suas limitações. É inegável o quanto o tema principal, que envolve o Mahjong tem grande charme, como também é verdade que o fanservice desnecessário, aliado a alguns efeitos especiais abusivos e fora do contexto acabam afastando muitas pessoas.

Mesmo assim Saki é um grande anime para quem gosta de temas envolvendo competição, e sobretudo o Mahjong. Desconsiderando o erro grotesco presente no primeiro episódio (onde a mão de Saki tem 15 peças), de um modo geral, as regras do Mahjong japonês são seguidas com fidelidade. E a cada episódio o anime tem surpreendido mais e mais, principalmente por causa da chegada do torneio municipal. O campeonato nacional deverá ser ainda mais emocionante.

Os personagens embora sigam o padrão, tem a seu modo características que os fazem se destacar de uma forma ou outra. A protagonista da história é Miyanaga Saki, uma talentosa jogadora de Mahjong, que devido a um acontecimento passado, detesta o jogo. Saki desperta de vez as suas habilidades quanto entra no clube de Mahjong da sua escola, criando uma forte amizade e uma pequena rivalidade com Nodoka Haramura, a mais talentosa jogadora do clube.

De um modo geral, todas as personagens do anime são garotas, e é inegável o quanto isso tem um lado fetichista, principalmente com a aparição descarada de fanservice. É bem verdade que o mangá em si é assim, mas o Gonzo nunca perde a oportunidade de colocar um bom (ou mal) fanservice na primeira oportunidade. E infelizmente acaba quebrando um pouco o clima de competição do anime, embora ele aborde o tema com o respeito que mereça e com vários pequenos truques importantes para quem gosta de Mahjong.

No mais, a recepção do anime em fóruns japoneses é comparável ao de K-ON!. Embora não tenha conseguido alcançar o topo do Oricon com o seu tema de abertura, não tenha também aumentado a venda de peças de Mahjong no arquipélago e nem nada disso, Saki chamou bastante atenção entre os fanáticos por animes. Já no Brasil, a recepção na internet foi bem morna, até pelo fato do Mahjong ser algo pouco popular por aqui, além de que, muitos acreditam que o Mahjong é na verdade aquele jogo solitário presente em vários sites de jogos casuais.



Hayate no Gotoku!!
Era bem óbvio que a segunda temporada de Hayate no Gotoku!! seria um destaque por lá, principalmente considerando o sucesso do mangá, a boa recepção da primeira temporada, entre uma outra série de fatores. O foco dessa segunda temporada acabou mudando, dando enfoque na relação amorosa entre Hina, Nishizawa e Nagi com o protagonista Ayasaki Hayate (sobretudo as duas primeiras), em detrimento da comédia presente no original.

Claro que ela ainda se faz presente em larga escala, mas também é bastante perceptível essa mudança de foco. Mesmo assim continua sendo o bom e velho Hayate no Gotoku!, com várias piadas criativas, que na maioria das vezes ironizam algum anime, mangá ou seriado. Junto disso temos o sempre carismático elenco de personagens, que sempre foi e ainda deve ser considerado o grande atrativo da série. E como o J.C.Staff não é um estúdio nada bobo, a equipe de produção deles resolveu dar um grande destaque para as personagens Hina e Ayumu, duas das mais admiradas entre os fãs.

Isso sem deixar a protagonista Nagi de lado, afinal ela também desfruta de popularidade no arquipélago. O mesmo valendo para Maria e outros tantos personagens. Contudo, embora Hayate no Gotoku!! seja uma série de grande sucesso no Japão, é bem verdade que a mudança de horário ocasionou uma queda na audiência, que embora esteja atualmente numa média de 2%, e possa ser considerada alta, acaba sendo prejudicial. Uma pena, pois por ser uma série de grande apelo casual, Hayate no Gotoku!! não é um título que cause aquele conhecido sentimento de vontade de querer assistir ao próximo episódio, o que faz a maioria do pessoal esperar pacientemente pela versão em DVD.



Full Metal Alchemist Broherhoods
Nova releitura das aventuras dos irmãos Elric, Full Metal Alchemist dispensa apresentações entre os brasileiros. Afinal, trata-se de um dos títulos de maior sucesso atual no país. Essa nova temporada vem seguindo o mangá fielmente, copiando quase tudo, inclusive as expressões cômicas de rosto tão presentes no original. Obviamente a repercussão em fóruns de todo mundo é grande, e no Japão a série obteve um bom índice de 5,0% recentemente, embora ainda esteja abaixo de Gundam 00, que era exibido exatamente no mesmo dia e horário de Full Metal Alchemist. Contudo, deve-se considerar que Gundam é "sagrado" para os japoneses.

De todo jeito, essa segunda temporada tem dividido as opiniões por toda rede, enquanto os fãs mais fervorosos do mangá rasguem elogios ao novo FMA, outro grupo de pessoas não tem achado o anime tão marcante. No fim, nenhum dos dois lados nega que Full Metal Alchemist é um anime de peso e sem dúvida um dos melhores da temporada, mas é bem verdade que críticas e elogios devem ser feitas ao anime.

De bom, o novo FMA manteve a mesma ambientação envolvendo alquimia, guerras e outros assuntos do tipo (afinal é baseado no mangá original), com qualidade HDTV e história fiel ao mangá. Por outro lado, quase todo elenco de dubladores foi trocado (com exceção feita a Edward e Alphonse), a trilha sonora teve uma leve queda, o detalhamento dos traços e animação caiu, o lado mais obscuro da primeira temporada deu lugar a situações as vezes exageradas de comédia e a linha de história por vezes acaba ficando um tanto corrida devido a necessidade de se seguir o mangá e a consequente falta de liberdade. Mas como dito anteriormente, continua sendo um grande anime.



Higashi no Eden
Considerado uma surpresa desde o começo, Higashi no Eden segue sendo um dos melhores, ou talvez o melhor anime da temporada. A história tem se desenvolvido de forma bem satisfatória, com todas as pontas soltas do começo sendo ligados nessa reta final. O interessante é que se a linha de história for fechada satisfatoriamente, sem furos aparentes, ela terá sido feita causando a todo momento grande ansiedade no espectador. E esse é sem dúvida o principal destaque de Higashi no Eden, um enredo que desde o começo até o fim não é nada óbvio.

Aliás, só por curiosidade o título tem sido exibido no bloco Noitamina, que anteriormente exibiu o excelente Nodame Cantabile e o "culto" Genji Monogatari. Higashi no Eden seria uma espécie de sucessor espiritual dos dois. O bloco tem se tornado conhecido por exibir animes de grande qualidade, e Higashi no Eden apenas segue o contexto. E além da boa qualidade, o título tem sido extremamente elogiado pela rede, tendo recebido ótimos comentários no site do ANN (Anime News Network).

Em termos de audiência, a série não deve a nenhuma outra, sendo um arrasa quarteirões, quando consideramos que é um anime exibido a meia-noite, ou se preferir, no começo da madrugada. O anime tem tido índices de audiência superiores a 5,0%, superando por diversas vezes séries exibidas de tarde, como é o caso de Naruto Shippuden e Full Metal Alchemist Brotherhoods. Enfim, nem preciso dizer o quanto esse anime é altamente recomendado.




Isshoni Training

Um dos animes sensação no Japão atualmente não tem lutas entre garotos, garotas mágicas, nem um estudante colegial com várias garotas interessadas nele.

Isshoni Training (ou Training wiht Hinako) é um anime que incentiva a você a fazer exercícios físicos. Com a ajuda de Hinako, uma garota de 16 anos, tem ensina a fazer exercício ao estilo Solange Frazão. A diferença está nos ângulos sugestivos. Tudo para incentivar a você tira o traseiro do sofá e exercitar um pouco.

O sucesso foi imdediato, sendo o DVD na lista dos mais vendidos, ultrapassando a quantidade de 10.00 unidades vendidas.

O vídeo aula (???) tem duração de 24 minutos. Mas aposto que muitos poderão prolongar o tempo...

E para quem ficou interessado, um vídeo no youtube: http://www.youtube.com/watch?v=IqQ75N8BYeU

Em entrevista ao site GyaO, Muneshige Nakagawa afirmou que planejou, escreveu e fundou todo o projeto sozinho. O seu objetivo era fazer uma dificuldade que “ninguém seria estúpido bastante para fazer”.

Nakagawa começou a planejar o projeto um ano atrás, mas somente fundou a companhia (Primastea) em agosto passado. A animação, efeitos de som e outros elementos de produção levaram apenas três meses para serem feitos (entre Janeiro e Março).

Ele também tentou explicar a história do anime (e existe uma?): uma garota de 16 anos chamada Hinako, que era uma humana, até que foi transformada em um personagem de anime, enquanto estava no segundo grau. Nakagawa disse que Hinako era uma fã de anime (otome) e queria muito estar no “mundo do anime”, e seu sonho tornou-se realidade graças a um “poder desconhecido”.


Temporada de julho

A temporada de julho está para começar, e mesmo com uma quantidade pequena de estréias (em torno de 20), as novidades já são mais promissoras do que as do ano passado. Assim como foi feito anteriormente, a equipe do "KS" resolveu destacar cinco títulos. Aqui não usamos critérios referentes a popularidade na rede, mas sim apenas a nossa intuição do que deve ser assistido sem medo, ou melhor dizendo, as grandes promessas da temporada. Podemos estar errados em alguns casos, afinal existem séries que não estão entre essas cinco e podem sem dúvida surpreender, como é o caso de Sora no Manimani, GA Gaitsuka Art Design Class, Aoi Hana, Umi Monogatari e Bakemonogatari.



Tokyo Magnitude 8.0
Estava falando agora pouco de Higashi no Eden, e se tem um possível candidato a melhor anime do ano ao lado de Higashi, é justamente Tokyo Magnitude, que curiosamente será exibido no bloco Noitamina, sendo o sucessor direto desse último título. A produção ficará a cargo do também excelente estúdio do BONES, o mesmo de Full Metal Alchemist e Soul Eater. A história conta as consequências de um terremoto na cidade de Tóquio, contando o cotidiano de três pessoas após a catástrofe.

O tema é sem dúvida interessante, e tendo a combinação de BONES+Noitamina, é sem sombra de dúvida, a estréia mais promissora da temporada. Provavelmente será uma série curta também, ao estilo de Higashi no Eden. Recomendo ficar de olho.



CANAAN
Baseado no game 428, lançado para o console Nintendo Wii, e um dos poucos a receber a nota máxima na revista Famitsu (a publicação relacionada ao tema mais famosa do Japão), CANAAN é um título que tem o que podemos chamar de "pedigree". Sendo produzido pelo P.A.Works, um estúdio de poucas obras, mas que é reconhecido pelo excelente trabalho em true tears, CANAAN tem os ingredientes certos para ser um dos grandes animes da temporada.

No entanto, a versão animada é na verdade baseada num capítulo original escrito pela produtora Type-Moon, a mesma de Fate/Stay Night, Tsukihime, entre outros. Claro que as obras da produtora são excelentes, mas se tem um ponto que pesa negativamente para a estréia de CANAAN, esse é sem dúvida, o fato de termos apenas uma espécie de side-story sendo animada, e não o enredo como um todo. Espero que não fique limitado apenas aos fãs do game original, que por ser uma sound novel, teve a oportunidade de ter sido jogada por poucos mortais na face da Terra.



Ookami to Koushinryou II
Uma das poucas continuações da temporada, e também tão forte e promissora quanto Sayonara Zetsubou Sensei, Ookami to Koushinryou volta após o hiato de um ano. A mudança mais perceptível é a mudança de estúdio, que deixa de ser o IMAGIN, em prol do Brains Base. O resultado parcial pôde ser conferido no OVA da série, lançado a pouco menos de um mês pelo estúdio. De um modo geral, o estilo deverá continuar o mesmo, apenas o traço que deu uma sensível mudada, com o característico traço "desleixado" do Brains Base (que pode ser conferido em outras obras como Akikan!, Natsume Yuujinchou e Kamichu!).

Fora isso, o enredo deverá dar continuidade a novel, que como todos sabem, teve poucos capítulos abordados na primeira temporada. Era até óbvio que uma continuação seria produzida cedo ou tarde, e a parte boa é que não demorou muito. Falando na novel, vale destacar a repercussão causada pelo título no Japão, com uma aparição no Mainichi Shinbun, um dos periódicos de maior circulação no país.



Umineko no Naku Koro ni
O nome parecido com o de Higurashi não é apenas mera coincidência. Umineko no Naku Koro ni é originalmente um game doujin produzido pela 07th Expansion, justamente a produtora por trás de Higurashi. De um modo geral, podemos considerar Umineko uma espécie de sucessor espiritual desse outro título. Não por menos, a versão animada também será produzida pelo Studio DEEN, o que significa que deverá seguir bem o padrão estabelecido por Higurashi, já que Umineko possui um esquema de arcos parecidos com o antecessor.

Além disso, deverá ser uma história menos perturbadora do ponto de vista estético, já que ao que parece não teremos só "menininhas" portando facas ou machados. Se a história realmente se repete, Umineko no Naku Koro ni será um dos melhores animes da temporada de julho.



Zan Sayonara Zetsubou Sensei

O desespero está de volta, para os fãs de Nozomu e sua turma. Com a confirmarção da terceira temporada da série, deve-se, em parte, com as boas vendas do OAD de Goku Sayonara Zetsubou Sensei. Muitas produtoras estão utilizando esta tática de fazer especiais em DVD dos animes, para saber se a recepção é boa o bastante para produção de mais episódios. Outro exemplo foi com Negima Ala Alba.

A série inteira recebeu sempre boas críticas, por mostrar a cultura japonesa com humor ácido, fazendo várias sátiras. Se você quiser conhecer um pouco mais do Japão e seus costumes de maneira diferente, e dar boas risadas, fica a dica. Duvida? Então veja o review que nós fizemos da primeira temporada, na edição 1.

Eu (Thiago3T) ainda estou no meio de Zoku, e terei que apressar até a estreia de Zan. Senão...... Zetsubou da!
Share this post
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...

0 comentários

:) :-) :)) =)) :( :-( :(( :d :-d @-) :p :o :>) (o) [-( :-? (p) :-s (m) 8-) :-t :-b b-( :-# =p~ :-$ (b) (f) x-) (k) (h) (c) cheer

 
© Kotatsu Shinbun
Designed by BlogThietKe Cooperated with Duy Pham
Released under Creative Commons 3.0 CC BY-NC 3.0
Posts RSSComments RSS
Back to top